Tag: Políticas públicas

0

|Podcast| UFABC e Heliópolis (V.4, N.12, P.2, 2021)

A vida e obra do educador e filósofo brasileiro, Paulo Freire é revisitada nesse podcast, celebrando o ano de seu centenário e suas contribuições para a educação. Elaborados pelo professor Wesley Adriano Martins Dourado, os episódios cheios de boniteza são parte do projeto “Produção e reprodução de conhecimento em Heliópolis/SP: fortalecendo as bases de um bairro educador”, uma ação conjunta da Universidade Federal do ABC (UFABC) e da União de Núcleos e moradores de Heliópolis e Região (UNAS).

0

A assistência estudantil e a Covid-19: O contexto das Universidades Federais de São Paulo (V.4, N.8, P.4, 2021)

Em meio à pandemia, empreendeu-se uma pesquisa coletiva com foco na permanência universitária nas três universidades federais paulistas (UFABC, UFSCar e UNIFESP) a partir da análise das respostas institucionais perante a crise sanitária. As ações de assistência estudantil compõem uma estratégia para a garantia da permanência universitária de estudantes em condições de vulnerabilidade socioeconômicas, condições estas agravadas no contexto pandêmico.

0

Monitoramento de SARS-Cov-2 na rede de esgoto (V.4, N.7, P.10, 2021)

O mapeamento epidemiológico baseado em biomarcadores é utilizado desde o enfrentamento a epidemia de poliomielite nos EUA na década de 1940. No contexto atual, o método é empregado para estimar a frequência de contaminação em uma determinada comunidade a partir da detecção de RNA de vírus no esgoto. Os resultados das análises permitem a identificação de pontos críticos, rastreio da propagação e direcionamento de ações de combate à pandemia.

0

Por que precisamos falar dos povos indígenas? – Parte II (V.4, N.6, P.4, 2021)

A identidade indígena independente de fenótipos, grau de integração a costumes e valores não indígenas ou locais de residência, mas se baseia na autodeclaração e no pertencimento a um grupo étnico. Segundo dados do IBGE de 2020, aproximadamente 900 mil pessoas se autodeclaram indígenas no Brasil, pertencentes a 305 grupos étnicos diferentes e falantes de 274 idiomas distintos.

0

Mais um incêndio em um museu brasileiro, o que ainda não aprendemos? (V.3, N.6, P.12, 2020)

Nas primeiras horas do dia 15 de junho o Museu de História Natural e Jardim Botânico (UFMG) foi atingido por um incêndio, pouco menos de dois anos após o incêndio do Museu Nacional no Rio de Janeiro. Museus são repositórios inestimáveis do patrimônio histórico, cultural e científico de um povo, pilares de pesquisa e divulgação do conhecimento, porém a negligência e o descaso com o bem público faz uma nova vítima.

Twitter
Blog UFABC Divulga Ciência