Autor: Blog UFABC Divulga Ciência

0

Biofármacos (V.7, N.3, P.1, 2024)

Biofármacos são medicamentos produzidos por processos biotecnológicos, nos quais o princípio ativo do medicamento é obtido através do emprego industrial de organismos vivos, como bactérias e fungos, através de técnicas como a engenharia genética, cultura de células e síntese química. Eles apresentam diversas vantagens em relação aos medicamentos convencionais, como a maior especificidade e seletividade na ação terapêutica, menor toxicidade e menor probabilidade de efeitos colaterais.

0

Bio Agricultura – Caminho para Segurança Alimentar e Sustentabilidade Agrícola (V.7, N.2, P.4, 2024)

A Agricultura Biológica é um método de produção agrícola que cuida do meio ambiente e da biodiversidade. Nesse modelo, é proibido usar produtos químicos sintéticos e organismos geneticamente modificados (1). Essa abordagem inclui práticas como rotação de culturas e controle natural de pragas (2). Além disso, adota estratégias como o cultivo de plantas que fixam nitrogênio, culturas de cobertura e a preferência por variedades locais adaptadas ao clima, promovendo a saúde e bem-estar animal.

0

Quantos animais elétricos você conhece? (V.7, N.2, P.3, 2024)

Uma das maiores franquias da cultura pop, o universo de Pokémon tem como protagonista um simpático monstrinho de popularidade mundial. Pikachu esbanja carisma com seu pelo amarelo, sua cauda em forma de raio e bochechas vermelhas de onde saem descargas elétricas poderosas, chamadas de “choque do trovão”. Seja no anime, nos jogos ou nos filmes, o personagem supera adversários muito maiores usando a eletricidade como principal forma de ataque. Talvez você ainda se lembre do nome do seu Pokémon preferido (o meu sempre foi o Bulbasaur!)… Mas, quantos animais elétricos você conhece?

0

|Entendendo o funcionamento do coração| #5 – Hemodinâmica: Entendendo conceitos e patologias (V.7. N.2. P.2, 2024)

Na parte 3 e 5 da série “Entendendo o funcionamento do coração”, vimos de uma forma mais aprofundada a circulação do ponto de vista mecânico. Sabemos que líquidos e gases se movem de um lugar para outro, certo? Mas você lembra o que faz com que isso aconteça? É o que chamamos de gradiente de pressão! Agota, neo último post da série, vamos falar sobre a hemodinâmica…

0

O tempo devora tudo (V.7. N.2. P.1, 2024)

Tempus edax rerum. O tempo devora tudo. Essa frase de Ovídio, escrita em “Metamorfoses”, está espalhada até em modernas tatuagens. De fato, ela traz uma sabedoria humana e científica sobre o aspecto destruidor do tempo. Uma tatuagem, por exemplo, perde a resolução e sua beleza com o tempo. Também esse escoamento inexorável do tempo é uma marca de irreversibilidade de processos estudados em termodinâmica, de variáveis para as quais a flecha do tempo é unidirecional, como a entropia…

Twitter
Blog UFABC Divulga Ciência